Migração de ensino presencial para EAD: estudo qualitativo da retenção cognitiva no curso de Preparação de Instrutores de Voo

  • Paulo Roberto Cursino dos Santos
  • Letícia Veiga Vasques
  • Pedro dos Santos Portugal Júnior
Palavras-chave: Modalidade de ensino, Educação a distância, Força Aérea Brasileira, Grupo de Instrução

Resumo

O trabalho analisa a migração da educação presencial para a modalidade a distância entre os alunos do Curso de Preparação de Instrutores de Voo, ministrado no Grupo de Instrução Tática e Especializada. A abordagem sob a ótica qualitativa da retenção de conhecimento é necessária face à modernização do Sistema de Ensino da Aeronáutica. O objetivo foi atingido por meio de revisão bibliográfica e estudo comparativo entre edições do mesmo curso, para os quais foram aplicadas avaliações idênticas. A análise corrobora a hipótese de ganho qualitativo na retenção cognitiva de alunos que realizaram o curso em modalidade não presencial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, Rômulo Maia; ZAMBALDE, André Luiz; FIGUEIREDO, Cristhian e Xavier. Ensino a distância. [S. l.] UFLA/FAEPE, 2004.

BANDURA, Alberto; WALTERS, Richard H. Aprendizaje social y desarrollo de la personalidad. Madrid: Alianza Editorial, 2007.

BRASIL. Comando da Aeronáutica. Departamento de Ensino da Aeronáutica. PCA 37-11: Plano de Modernização do Sistema de Ensino da Aeronáutica. Brasília, DF: Comando da Aeronáutica, Departamento de Ensino da Aeronáutica, 2017.

BRASIL. Comando da Aeronáutica. Estado-Maior da Aeronáutica. MCA 909-1: Programa de Formação e Fortalecimento de Valores (PFV). Brasília, DF: Comando da Aeronáutica, Estado-Maior da Aeronáutica, 2017.

BRASIL. Comando da Aeronáutica. Primeira Força Aérea. ICA 37-503: Currículo mínimo do Curso de Preparação de Instrutores de Voo (CPIV). Parnamirim, RN: Comando da Aeronáutica, 2014.

BITTENCOURT, Hélio Radke; VIALI, Lori. Contribuições para o ensino da distribuição normal ou curva de gauss em cursos de graduação. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 3., 2006, Águas de Lindóia. Anais do III SIPEM. Curitiba: UFPR Editora, 2006. p. 1-16.

CIRIGLIANO, Gustavo F. J. La educación abierta. [S. l.]: El Ateneo, 1983. GARDNER, H. Intelligence reframed: multiple intelligences for the 21st century. [S. l.]: Basic Books, 1999.

HATCHER, R. et al. Competency benchmarks: practical steps toward a culture of competence. Training and Education in Professional Psychology, [s. l.], v. 7, n. 2, p. 84-91, May 2013.

JARAUTA, Beatriz; IMBERNÓN, Francisco (coord.). Pensando en el futuro de la educación: una nueva escuela para el siglo XXII. [S. l.]: GRAÓ, 2012. (Crítica y fundamentos, 39).

KOURY, Mauro Guilherme Pinheiro; BARBOSA, Raoni Borges. Da subjetividade às emoções: a antropologia e a sociologia das emoções no Brasil. Recife: Edições Bagaço; João Pessoa: Edições GREM, 2015. (Série Cadernos do Grem, 7).

MOIVRE, A. de. The doctrine of chances: or, a method of calculating the probability of events in play. 3rd ed. London: A. Millar, 1756.

MUGNOL, Marcio. A educação a distância no Brasil: conceitos e fundamentos. Curitiba: Diálogo, 2009.

PIAGET, Jean. Logique et connaissance scientifique. Paris: Gallimard, 1986.

PORTO, Tania Maria Esperon. As tecnologias de comunicação e informação na escola. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 11, n. 31, p. 43-57, jan./abr. 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/v11n31/a05v11n31.pdf. Acesso em: 20 set. 2018.

SADLER, D. Royce. Formative assessment and the design of instructional systems. Instructional Science, London, v. 18, n. 2, p. 119-144, June 1989.

SCRIVEN, Michael. Methodology of evaluation. Lafayette: Purdue University, 1966.

SIMPSON, Elisabeth. J. The classification of educational objectives in the psychomotor domain. Washington, DC: Gryphon House, 1972.

TEDESCO, Juan Carlos. Los pilares de la educación del futuro. In:_______. Debates de educación. Barcelona: Fundación Jaume Bofill: UOC, 2003. Disponível em: http://www.uoc.edu/dt/20367/index.html. Acesso em: 16 jun. 2018.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

ZOOK, A. M. Military competency-based human capital management: a step toward the future. EUA: U.S. Army War College, 2006.

Publicado
2020-04-24
Como Citar
Cursino dos Santos, P. R., Veiga Vasques, L., & dos Santos Portugal Júnior, P. (2020). Migração de ensino presencial para EAD: estudo qualitativo da retenção cognitiva no curso de Preparação de Instrutores de Voo. Boletim Técnico Do Senac, 46(1). https://doi.org/10.26849/bts.v46i1.798
Seção
Artigos