Sem emprego: dificuldades e desafios enfrentados pelos profissionais com deficiência visual

Denise Macedo Ziliotto, Kelly Souza Oliveira, Amanda Burchert

Resumo


Os trabalhadores com deficiência visual (DV) vivenciam uma sub-representação no mercado de trabalho, possuindo índices de empregabilidade menores do que os deficientes físicos ou auditivos. Diante desse contexto, desenvolveu-se investigação com 11 profissionais cegos ou com baixa visão para identificar e compreender as dificuldades presentes no ingresso ou no retorno ao mercado de trabalho. Os resultados revelam a discriminação existente nas organizações e na sociedade em relação à competência profissional dos DVs, sendo ainda um desafio para esses sujeitos o direito à educação e ao trabalho.


Palavras-chave


Cegueira; Inclusão; Pessoas com deficiência; Trabalho

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. 4. ed. Lisboa: Edições 70, 2010.

BITTENCOURT, Zelia Zilda Lourenço de Camargo; FONSECA, Ana Maria Ribeiro da. Percepções de pessoas com baixa visão sobre seu retorno ao mercado de trabalho. Paidéia, Ribeirão Preto, v. 21, n. 49, p. 187-195, maio/ago. 2011. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0103863X20110000200006. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/paideia/v21n49/06.pdf. Acesso em: 17 jan. 2018.

BRASIL. Lei n. 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). Brasília, DF: Presidência da República, [2015?]. Publicado no DOU de 07/07/2015. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2015/lei/l13146.htm.2015. Acesso em: 22 fev. 2018.

BRASIL. Ministério do Trabalho. Relação anual de informações sociais (RAIS) 2016. Brasília, DF: Ministério do Trabalho, 2017. Disponível em: http://trabalho.gov.br/rais. Acesso em: 22 fev. 2018.

CARVALHO-FREITAS, Maria Nivalda de Carvalho. Inserção e gestão do trabalho de pessoas com deficiência: um estudo de caso. RAC, Curitiba, v. 13, p. 121-138, jun. 2009. Edição especial. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rac/v13nspe/a09v13nspe.pdf. Acesso em: 2 jan.2018.

CARVALHO-FREITAS, Maria Nivalda de; MARQUES, Antônio Luiz. Pessoas com deficiência e trabalho: percepção de gerentes e pós-graduandos em Administração. Psicologia: ciência e profissão, Brasília, DF, v. 29, n. 2, jun. 2009. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1414-98932009000200004. Acesso em: 24 set. 2017.

COUTINHO, Kátia Soares; RODRIGUES, Graciela Fagundes; PASSERINO, Liliana Maria. O trabalho de colaboradores com deficiência nas empresas: com a voz os gestores de recursos humanos. Revista Brasileira de Educação Especial,Marília, v. 23, n. 2, p. 261-278, jun. 2017. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/s1413-65382317000200008. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-65382017000200261&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 24 ago. 2017.

ENRIQUEZ, Eugène. O trabalho, essência do homem? O que é o trabalho? Cadernos de Psicologia Social do Trabalho, São Paulo, v. 17, p. 163-176, maio 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.1981-0490.v17ispe1p163-176. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/cpst/article/view/80645. Acesso em: 13 ago. 2018.

FERNANDES, Woquiton Lima; COSTA, Carolina Severino Lopes da. Possibilidades da tutoria de pares para estudantes com deficiência visual no ensino técnico e superior. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 21, n. 1, p. 39-56, 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.phppid=S141365382015000100039&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 4 maio 2017.

FRÓES. Marco Antonio de Melo. A escolarização das pessoas com deficiência visual: contribuições e limites das atividades pedagógicas mediadas pela sala de integração e recursos visuais. 2015. Dissertação (Mestrado em Educação) – Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015. Disponível em: http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/131021/000980240.pdf?s. Acesso em: 12 ago. 2017.

FUNDAÇÃO DORINA NOWILL. O que é visão sub-normal ou baixa visão? São Paulo: Fundação Dorina Nowill, [201-]. Disponível em https://www.fundacaodorina.org.br/a-fundacao/deficiencia-visual/o-que-e-visao-subnormal-ou-baixa-visao/. Acesso em: 12 fev. 2018.

GARCIA, Vinicius Gaspar. Panorama da inclusão das pessoas com deficiência no mercado de trabalho no Brasil. Trabalho, Educação e Saúde, Rio de Janeiro, v. 12, n. 1, p. 165-187, jan./abr. 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1981-77462014000100010. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tes/v12n1/10.pdf. Acesso em: 24 set. 2017.

GARCIA, Vinicius Gaspar; MAIA, Alexandre Gori. Características da participação das pessoas com deficiência e/ou limitação funcional no mercado de trabalho brasileiro. Revista Brasileira de Estudos da População, Rio de Janeiro, v. 31, n. 2, p. 395-418, 2014. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-30982014000200008&script=sci_arttext. Acesso em: 23 jun. 2017.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

HOFFMANN, Celina; TRAVERSO, Luciana Davi; ZANINI, Roselaine Ruviaro. Contexto de trabalho das pessoas com deficiência no serviço público federal: contribuições do inventário sobre trabalho e riscos de adoecimento. Gestão & Produção, São Carlos, v. 21, n. 4, p. 707-718, dez. 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/0104-530X379. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php pid=S0104530X2014000400004&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 24 set. 2017.

I.SOCIAL. Profissionais de recursos humanos: expectativas e percepções sobre a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho 2016. São Paulo: I.Social Soluções em Inclusão Social, 2017. Disponível em http://isocial.com.br/download/contratacaodedeficientes_deficiencia_relatorio-2016.pdf. Acesso em: 4 maio 2017.

INEP. Censo da educação básica 2016: notas estatísticas. Brasília, DF: Inep, 2017. Disponível em: http://download.inep.gov.br/educacao_basica/censo_escolar/notas_estatisticas/2017/notas_estatisticas_censo_escolar_da_educacao_basica_2016.pdf. Acesso em: 18 set. 2017.

LAKATOS, Eva Maria; MARCONI, Marina de Andrade. Fundamentos de metodologia científica. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2003.

LIMA, Michele P de.; TAVARES, Nathalia Vasconcelos; BRITO, Mozar José; CAPPELLE, Monica Carvalho Alves. O sentido do trabalho para pessoas com deficiência. RAM: revista de administração Mackenzie, São Paulo, v. 14, n. 2, p. 42-68, 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1678-69712013000200003&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 14 jul. 2017.

MACCALI, Nicole et. al. As práticas de recursos humanos para a gestão da diversidade: a inclusão de deficientes intelectuais em uma federação pública do Brasil. RAM: revista de administração Mackenzie, São Paulo, v. 16, n. 2, p. 157-187, abr. 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1678-69712015/administracao.v16n2p157-187. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1678-69712015000200157&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 24 set. 2017.

NERES, Celi Corrêa; CORREA, Nesdete Mesquita. O trabalho como categoria de análise na educação do deficiente visual. Caderno CEDES, Campinas, v. 28, n. 75, p. 149-170, ago. 2008. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S0101-32622008000200002. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1678-69712015000200157&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 16 dez. 2017.

PASSERINO, Liliana Maria; PEREIRA, Ana Cristina Cypriano. Educação, inclusão e trabalho: um debate necessário. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 39, n. 3, p. 831-846, set. 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S2175-62362014000300011. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S2175-62362014000300011&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 24 set. 2017.

RIBEIRO, Marco Antônio; CARNEIRO, Ricardo. Inclusão indesejada: as empresas brasileiras face à lei de cotas para pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Revista OES, Salvador, v. 16, n. 50, p. 545-564, 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1984-92302009000300008&script=sci_arttext. Acesso em: 12 ago. 2017.

SILVA, Shirley. A política educacional brasileira e as pessoas com deficiências: como difundir o discurso de uma política pública de direitos e praticar a privatização? In: SILVA, S.; VIZIM, M. (org.). Políticas públicas: educação, tecnologia e pessoas com deficiência. Campinas: Mercado das Letras: Associação de Leitura do Brasil, 2003. p. 73-100.

TRINANES, Maria Terêsa Rocha; ARRUDA, Sônia Maria Chadi de Paula. Atividades de vida autônoma na escola de tempo integral: aluno com deficiência visual - perspectivas educacionais. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 20, n. 4, p. 581-590, dez. 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-65382014000400009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-65382014000400009&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 24 set. 2017.

VILARONGA, Carla Ariela Rios; CAIADO, Katia Regina Moreno. Processos de escolarização de pessoas com deficiência visual. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 19, n.1, p. 61-78, 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbee/v19n1/05.pdf. Acesso em: 13 jan. 2018.

Fontes consultadas

CRESCE o número de pessoas com deficiência no mercado de trabalho formal. [Brasília, DF]: Portal Gov.br, 27 set. 2016. Disponível em: http://www.brasil.gov.br/economia-e-emprego/2016/09/cresce-numero-de-pessoas-com-deficiencia-nomercado-de-trabalho-formal. Acesso em: 14 jan. 2019.

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL (Brasil). Benefício assistencial ao idoso e à pessoa com deficiência (BPC). Brasília, DF: INSS, 2017. Disponível em http://www.previdencia.gov.br/servicos-ao-cidadao/todos-os-servicos/beneficioassistencial-bpc-loas/. Acesso em: 14 jan. 2019.

LARA, Luis Fernando. A gestão de pessoas e o desafio da inclusão das pessoas com deficiência: uma visão antropológica da deficiência. Revista Capital Científico: eletrônica, Guarapuava, v. 11, n. 3, p. 121-142, 2013. Disponível em: http://www.spell.org.br/documentos/ver/33089/a-gestao-de-pessoas-e-odesafio-da-inclusao-das-pessoas-com-deficiencia--uma-visao-antropologica-dadeficiencia/i/pt-br. Acesso em: 22 jan. 2017.

LARA, Luis Fernando. A gestão de pessoas e o desafio da inclusão das pessoas com deficiência: uma visão antropológica da deficiência. Revista Capital Científico: eletrônica, Guarapuava, v. 11, n. 3, p. 121-142, 2013. Disponível em: http://www.spell.org.br/documentos/ver/33089/a-gestao-de-pessoas-e-odesafio-da-inclusao-das-pessoas-com-deficiencia--uma-visao-antropologica-dadeficiencia/i/pt-br. Acesso em: 22 jan. 2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Creative Commons

ISSN Impresso 0102549-X

ISSN Eletrônico 2448-1483

 

 Licença Creative Commons

Este conteúdo está licenciado com Creative Commons Atribuição Não Comercial 4.0 Internacional.